Total de visualizações de página

Google+ Badge

Google+ Followers

Poema ao acaso

Poema ao acaso











sábado, 20 de dezembro de 2014

General Heleno - Programa Canal Livre - Band 15/05/2011

Guerreiros de Selva - 24 horas de treinamento em 120 segundos

General de Brigada Paulo Chagas - Manifestações Populares e Intervenção ...


Pronunciamento do General Paulo Chagas

Mensagem de Fim de Ano do Comandante-Geral

Mensagem de Fim de Ano do Comandante-Geral

Mensagem de fim de ano do Comandante da Marinha - 2012 (Parte 1)

Clip da Canção "Cisne Branco" (Legendado) [Marinha do Brasil]

domingo, 31 de agosto de 2014

Roberto Carlos - Pout pourri Romantico


ROBERTO CARLOS , O DIAMANTE COR DE ROSA


GUERREIRO JOVEM GUARDA

FILME ROBERTO CARLOS - DIAMANTE COR-DE-ROSA 1969 (Lenda do Gigante de Pedra) - HD


MUITO BELO , LINDO ......... SHOW DE ROBERTO CARLOS EM JERUSALEM - ABERTURA

Roberto Carlos, rompeu um tabu que já se arrastava há décadas e filmou externas pelas ruas de Jerusalém. Há anos, seus shows são filmagens quase em tempo real de concertos em lugares fechados à exceção do show feito em Copacabana, no ano passado. O próprio Roberto não lembra quando foi a última vez que saiu às ruas para filmar, mas diz que gosta dos dois formatos, gosta de estar em ação com nos bons tempos do filme Roberto Carlos e o Diamante Cor de Rosa, dirigido por Roberto Farias em 1968 com cenas em Jerusalém. Em sua peregrinação, ele chegou ao maior ponto de oração dos judeus, o Muro das Lamentações, ápice de suas caminhadas pela Terra Santa. Foi um tipo de apoteose: ele chegou em uma Mercedes cercada de policiais no sítio do Muro, caminhou até o local cercado de repórteres (as repórteres mulheres ficaram separadas por uma cerca, por conta da tradição), rezou e quando ia embora, foi chamado para fora do carro por Shmuel Rabinovich, rabino-mór do Muro e dos lugares sagrados de Jerusalém. "Estamos muito felizes que você está aqui, na cidade de Jerusalém, a cidade que abriga a todos, a cidade que dentro do próprio nome carrega a paz e carrega amor", disse Rabinovich, em hebraico, com a ajuda de um tradutor brasileiro. "Espero que todas as rezas que você fez em Jerusalém possam cair sobre ti e sobre todos aqueles para quem você rezou", continuou o rabino. "O Rei Salomão quando construiu esse lugar, há mais de 2.000 anos, rezou e pediu a Deus que todas as rezas dos judeus e não judeus acontecessem independentemente de quem fosse a pessoa", afirmou-lhe Rabinovich. "Aqueles que receberam a força para poder cantar como você canta têm uma força espiritual enorme e com certeza suas vozes chegam aos mundos divinos." Roberto ficou com os olhos marejados e disse: "Tô emocionado". Ambos se abraçaram, sob os olhares curiosos de judeus ortodoxos, rabinos e turistas. "Amém a nós todos", disse Roberto Carlos que ainda visitou a Basílica do Santo Sepulcro em Jerusalém. Na entrada da Basílica fica a pedra em que, segundo a tradição cristã, o corpo de Jesus Cristo foi repousado após ser tirado da cruz. Roberto ajoelhou-se ao lado da pedra, foi também na basílica, na capela de Santa Helena, sozinho, que ele rezou logo após o Santo Sepulcro, visitou o Monte das Oliveiras, visitou um mosteiro no Deserto da Judeia e também o Domo de Pedra, um lugar sagrado para os muçulmanos. o show foi no anfiteatro Sultan's Pool (Piscina do Sultão) em Jerusalém.

PLAYLIST 90 MÚSICA Roberto canta Jerusalém de Ouro (PT-Hebraico)



3 Cantors Tribute to Moyshe Oysher


Shabes, Shabes - Yiddish Sabbath peace song - Mordechai Gebirtig

SHALOM ALEIJEM


Regocijate Israel....Elohim Adonai

ESPETACULAR REI DAVI !


sábado, 30 de agosto de 2014

Rey David El héroe de Israel 17/17


Rey David El héroe de Israel 2/17


Minissérie Rei Davi 30° Capítulo (Ultimo Capítulo) PLAYLIST



O exército de Absalão começa a perder. Ele observa de longe e começa a ficar assustado. Paltiel e Joabe se encontram no campo de batalha. Por alguns momentos, parece que o general de Davi vai levar a pior. A luta dos dois continua violenta, mas Joabe se mostra mais habilidoso e consegue matar Paltiel. Cansado após a batalha, Joabe logo é desarmado por outros soldados. Quando vai ser morto, o general é salvo por algumas flechas que derrubam os inimigos. Joabe se aproxima do soldado que atirou as flechas e percebe que é Raquel. O general pergunta o que a filha faz por ali, quando ela pede que ele se abaixe rapidamente. Ela mata outro soldado que quase acerta um golpe em seu pai. Joabe fica pasmo, ainda em choque e ri quando a filha o incentiva a batalhar. Eles partem para cima dos inimigos. Tirsa sabe que Ziba mentiu sobre Mefibosete e o ameaça. Abiatar leva alguns mantimentos para Mefibosete e fica impressionado com a fidelidade do homem, que preferiu voltar às ruas a ficar no palácio ao lado do homem que traiu Davi. Husai diz a Natã que não pode mais ser um sacerdote. Absalão percebe que a batalha está praticamente perdida e decide fugir a cavalo. Itai o vê e vai atrás. Absalão cavalga a toda velocidade, quando de repente, fica preso pelos cabelos em uma árvore. Pendurado, fica desesperado. Itai se aproxima, mas não sabe o que fazer. Joabe chega em seguida e pergunta porque Absalão ainda está vivo. Itai explica que Davi ordenou que não fizessem nada contra seu filho. Furioso, Joabe pega sua lança e crava com toda a força no peito de Absalão, que agoniza até morrer. Bate-Seba conta a Davi que foi Allat quem salvou Salomão das mãos de Mical. Se conseguir retornar a Jerusalém, ele promete punir sua primeira esposa. Um shofar toca ao longe. Davi sabe que esse é o sinal de Joabe avisando sobre o fim da guerra. Ele fica ansioso. O corpo de Absalão é jogado em uma cova funda. Joabe e Itai observam o homem ser enterrado e trocam um olhar cúmplice. O ferreiro sabe que não pode contar nada, mas apoia Joabe. O general pede que Jonadabe dê as boas notícias para Davi. O ungido de Deus fica em choque ao saber que perdeu mais um filho. Ele caminha desnorteado e começa a chorar, desesperado. Davi grita de dor. Na tenda, Joabe se aproxima de Davi e afirma que todos os soldados foram humilhados. Depois que deram o sangue para salvar o povo, se sentem culpados porque o rei chora pela morte do filho que se tornou inimigo. Davi só ouve, sem reagir. Firme, Joabe afirma que Davi estaria mais feliz se Absalão, o traidor, estivesse vivo enquanto todos os seus soldados fossem mortos em batalha. Davi sai da tenda, acompanhado por Joabe. Com um semblante melhor, conformado, ele motiva todos os soldados e afirma que o grupo deve retornar para Jerusalém. Os homens gritam eufóricos e comemoram, felizes. Aitofel fica assombrado ao saber que Absalão morreu. Mical fica apavorada ao descobrir que Davi está voltando. Aitofel arruma a casa meticulosamente. Em seguida, prepara uma corda de couro e amarra no teto. Ele se enforca. Mefibosete ouve a festa da chegada de Davi e se aproxima. Tirsa fica aliviada ao vê-lo. Ele vai até Davi e conta que foi enganado por Ziba. O servo logo se aproxima. Como não sabe quem fala a verdade, Davi decide dividir as terras de Saul entre os dois. Mefibosete afirma que Ziba pode fica com tudo, afinal, para ele só importa a paz após o retorno do rei. Ele vai se retirar, digno, mas Davi pede que espere. O rei afirma que sempre soube da idoneidade de Mefibosete, que não se importou em perder as posses. Ele devolve tudo ao filho de Jonatas e ordena que os guardas segurem Ziba. Davi decide baní-lo da cidade. Além disso, decide que Ziba terá de mendigar para sobreviver. Husai conta a Tamar que era espião do rei. A jovem descobre que Absalão morreu na batalha e começa a se culpar. Husai a tranqüiliza. Tamar repara que ele não usa mais o turbante. Ele revela que deixou de ser sacerdote em nome do amor que sente por Tamar. Os dois se declaram e o beijo acontece. Mical tenta enganar Davi, mas ele afirma que não acreditará em nenhuma mentira. Ele conta que todo o povo já sabe sobre sua traição com Absalão. Allat e Bate-Seba se aproximam. Mical tenta se defender, mas Davi exige que ela se cale. Primeiro, ele dá a sentença para Allat. Depois de tanto sofrimento, além de ter salvo Salomão, a mulher receberá ouro suficiente para viver confortavelmente pelo resto de seus dias. Davi destaca que Allat pode viver em Israel, desde que adore somente a Deus. Ela afirma que deixou a feitiçaria de lado e adorava apenas o Deus dos hebreus há algum tempo. Davi se dirige a Mical e dá a sentença. Assim como as outras concubinas que o desonraram, ele a condena a ficar confinada no palácio até a morte. ENTÃO ? VAI ADORAR O REI JESUS OU NÃO VAI ? VOCÊ É QUEM SABE , FUIIIIIII...............